Impactos e caminhos do trabalho com famílias, a convivência e o fortalecimento de vínculos na proteção social básica – Sextas Básicas #04


Por Rozana Fonseca e Joari Carvalho Queremos que os encontros virtuais promovidos pelo Blog Psicologia no SUAS, com coorganização do Joari Carvalho, os Sextas Básicas, sejam elementos potencializadores que venham agregar a todas e todos que fazem a Assistência Social, especialmente neste período da pandemia provocada pelo novo coronavírus e temos muitas perguntas. Então, é certo que não…

8 Propostas de Ações na Assistência Social sobre o Dia Internacional da Mulher


O dia 8 de março é o Dia Internacional   da Mulher. Começo este texto desfazendo uma equivocada ideia acerca da origem dessa data, espalhada por vários meios de comunicação, principalmente textos pela internet e jornais físicos ou digitais. A explicação comumente dada é que se trata de uma data que faz referência ao incêndio ocorrido…

Assistência Social e Saúde Mental: cuidar da vida é cuidar da mente


A saúde mental está em debate neste mês impulsionada pela campanha Janeiro Branco. É uma campanha que desde 2014 vem ampliar as agendas coloridas que visam chamar a atenção da população acerca de um problema a ser enfrentado e prevenido.   Não vou aprofundar sobre os pontos de concepção, de reprodução da campanha e nem sobre…

Supervisão Técnica On-line


AGENDA 2020 Agendamentos através do WhatsApp (73) 98159-0221 ou pelo e-mail psicologianosuas@gmail.com O que é? Orientação técnica aos trabalhadores do SUAS que se encontram com dúvidas ou com problemáticas ao desenvolver a prática nos serviços de CREAS e CRAS. Quem pode fazer? Todos os trabalhadores e profissionais que atuam na gestão como coordenadores, diretores e…

Esvaziamento e improdutividade de eventos: da autorreferência à Intersetorialidade


Na última semana eu falei com quem acompanha o BPS lá no Instagram que eu participei de dois eventos em um único dia na minha cidade e que por vibrar com a possibilidade de participar de espaços para discutir temas tão importantes em um contexto com poucas oportunidades, eu faria um texto com algumas provocações…

Saúde Mental, Gênero e Dispositivos: Cultura e Processos de Subjetivação – LIVRO


Apresentação de mais um livro da Editora Appris e este vem junto com uma ótima notícia que é a possibilidade de você ganhar um exemplar desta obra pelo sorteio que está acontecendo através do perfil do blog pelo Instagram, no @psicologianosuas. Veja lá como por participar! ZANELLO, V.. Saúde Mental, Gênero e Dispositivos: Cultura e…

Trabalhadora/o do SUAS tem como “missão” empoderar as pessoas?


Ninguém empodera ninguém. Esta afirmativa pode ser considerada uma paráfrase ao postulado por Paulo Freire na obra Pedagogia do oprimido “Ninguém educa ninguém, ninguém educa a si mesmo, os homens se educam entre si, mediatizados pelo mundo”. Pág.78  Não vejo outra maneira de começar a falar de empoderamento sem trazer para a roda Paulo Freire.…

Outubro Rosa e as agendas coloridas


Este texto é porque considero as campanhas coloridas como disfarce para os dias cinzas de quem vive em situação de desproteção social e com precário acesso a saúde e outros direitos fundamentais. Eu sempre estranhei as campanhas coloridas, considero pão e circo. Atuando em políticas de Assistência Social e Saúde participo junto com a equipe,…

%d blogueiros gostam disto: